Como saber se a casa de repouso é a melhor opção para um idoso?

30, novembro 2016

Como saber se a casa de repouso é a melhor opção para um idoso?

A decisão de se colocar um ente querido da família numa casa de repouso não é fácil, especialmente quando nos deparamos com notícias de maus tratos em estabelecimentos anti éticos.

No entanto, tais fatos isolados não devem dar margem para se criar um preconceito com casas de repouso. Hoje, há muitos lugares de qualidade que podem ser a melhor opção para a qualidade de vida do idoso e para a tranquilidade dos familiares.

Neste post, ajudaremos você a decidir se a casa de repouso é a melhor opção para um idoso em sua família. Acompanhe!

Pense no que é melhor para o idoso e para a família

Esse é o tipo de escolha que não deve ser apressada. O diálogo é muito importante entre todos os membros da família, e a vontade do idoso com boa saúde mental também deve ser respeitada. Afinal de contas, é ele que vai ter que morar lá, não é mesmo?

O importante é entender que a casa de repouso não é um lugar para se depositar a pessoa e se esquecer dela, ou que optar por ela é um sinal de abandono. Há muitos casos em que a escolha traz até vantagens em relação a deixar o idoso em casa, como explicamos em seguida.

Considere as necessidades especiais da pessoa

Alcançar idades mais avançadas, muitas vezes, significa ter novas necessidades que algumas vezes não são facilmente atendidas. Os familiares podem não estar preparados para atender certos requerimentos de saúde, diferente de profissionais treinados em uma casa de repouso, por exemplo.

Além disso, às vezes é demandado muito tempo e atenção constante ao idoso — algo que nem sempre alguém em casa vai poder disponibilizar.

Há também a questão da estrutura física. Ter um idoso com necessidades especiais em casa pode exigir reformas e realocação de objetos para facilitar a locomoção da pessoa, algo nem sempre viável pelo aspecto do espaço ou até mesmo financeiro. Nesses casos a casa de repouso se mostra uma boa opção.

Lembre-se que socializar é importante para idosos também

Um problema muito comum entre os idosos é o sentimento de solidão, especialmente os viúvos. Ficar em casa sozinho enquanto os demais familiares precisam trabalhar ou ir à escola não é saudável para ninguém, não importa a idade. Ter uma vida social é importante para todos, idosos inclusive.

Se o caso da sua família se encaixa nesse tipo de exemplo, seria interessante considerar uma casa de repouso também, uma vez que a pessoa teria a chance de conhecer mais gente na mesma situação, com idades e histórias parecidas, fazer novas amizades e se socializar num ambiente seguro e preparado para recebê-lo.

Leve em conta as atividades oferecidas pela casa de repouso

Antes de finalizar a decisão é importante também pesquisar bem sobre suas opções e decidir qual o estabelecimento que se encaixa melhor no que você procura.

Procure saber quais as atividades oferecidas pela casa de repouso em questão para ver se elas se adéquam às necessidades do seu familiar. É indispensável manter a mente e o corpo ativos em qualquer idade, então, não se esqueça desse cuidado com seus entes queridos antes de fazer a sua escolha.

Esperamos que este post ajude em sua decisão! Agora, que tal conferir nosso post sobre cuidado com idosos em domicílio: 5 coisas para você prestar atenção? Nos vemos no próximo post!

 

Relacionados

Entenda o custo x benefício de um residencial para idosos

Entenda o custo x benefício de um residencial para idosos

Quando somos crianças, necessitamos de cuidado, atenção e amor, mas chega um momento em que o cenário se modifica. Nós filhos, criados com desvelo e atenção, passamos a cuidar

Porquê confiar quem “Você” mais ama aos cuidados do Aconchego Residencial para Idosos

Porquê confiar quem “Você” mais ama aos cuidados do Aconchego Residencial para Idosos

    Sabemos que o envelhecimento populacional e a expectativa de vida vêm cada vez mais crescendo ao longo dos anos. Há estudos que mostram uma diminuição da taxa de mortalidade

Sons e sorrisos: a importância da musicoterapia para a saúde dos idosos

Sons e sorrisos: a importância da musicoterapia para a saúde dos idosos

Que o número de idosos não para de crescer no Brasil e no mundo, isso já não é novidade. Novas são as dúvidas que surgem, dia após dia, quanto